Curso de Gestão de Qualidade Online Grátis

Gestão de Qualidade

A gestão da qualidade está presente em grande parte das empresas do mundo. Ter uma cultura de qualidade implementada em uma companhia traz muitos benefícios tanto para quem trabalha, quem é dono e quem consome o produto final. É muito importante que saibamos como e onde implantar a gestão da qualidade para que se torne um hábito para todos aqueles que participam dela.

O mais interessante da gestão da qualidade é que podemos aplicá-la em qualquer área e nicho de mercado, seja em lojas de bens de consumo duráveis ou não duráveis e até nas grandes empresas. Sabendo os conceitos fica mais fácil a sua implementação. Basta estudar e se inteirar de todas as novidades que a gestão propõe aos que usufruem dela. 

Para que possamos medir os problemas e pontos a melhorar ou manter usamos os indicadores que são divididos em KPI’s e OPI’s, são usados para medir a performance de uma maneira global ou individual de um funcionário. Os indicadores conseguem nos mostrar uma visão mais ampla de eficácia, atendimento, eficiência e outros variantes que podem ser o que mais se enquadra na sua realidade.

Junto da qualidade existe o Lean, que é uma das ferramentas mais usadas e implementadas nas grandes empresas. O Lean visa a melhoria dos processos com uma metodologia simples e enxuta. Dentro da ferramenta encontramos sub ferramentas que podem transformar esse pensamento em uma rotina do dia a dia. Podemos citar o Poka-Yoke, SMED e Kanban que são os métodos mais usados dentro do Lean.

Além de todas essas ferramentas, também vamos falar sobre o 5s que é uma metodologia japonesa que nos mostra 5 sensos para aplicar a cultura de limpeza, organização, utilização, padronização e disciplina. Uma das ferramentas mais comuns do 5s está a coleta seletiva que fazemos em casa ou no trabalho.

Quando pensamos no diagrama de Pareto lembramos dos gráficos que vão nos ajudar a identificar as maiores causas de perdas e assim descobrir quais devem ser sanadas primeiro, além disso existem alguns passos que devemos seguir para enfim conseguir montar nosso diagrama e obter bons resultados com ele. Muitas vezes não sabemos por onde começar a resolver os problemas, usando o Pareto, esta tarefa fica muito mais fácil.

Outra ferramenta que sempre está em evidência é o diagrama de Ishikawa ou diagrama espinha de peixe. Com ele podemos identificar as causas raízes dos problemas de maneira que podemos analisar o processo que envolve a operação. Para montá-lo não existe muito segredo, pense em uma espinha de peixe e estruture seu pensamento baseando-se no pensamento 6M (Máquina, Material, Mão de obra, Meio ambiente, Método e Medidas). 

Podemos falar sobre o histograma que é outra maneira de medir nossos problemas, mostrando a distribuição de uma amostra ou população específica. Muitas empresas usam o histograma para arrecadar opiniões dos clientes e até mesmo dos funcionários para melhorar algum processo que possuem certa dificuldade. Para montar um histograma devemos seguir alguns passos simples e um deles é usar um software que você possua familiaridade, por exemplo o Excel.

Outra ferramenta muito relevante da gestão da qualidade é o fluxograma, com ele podemos estruturar processos e organizar sistemas. Os fluxogramas usam formas geométricas para definir os passos a serem seguidos. Em todas as empresas existem uma hierarquia e é através do fluxograma que as pessoas passam a entender seu verdadeiro papel dentro de uma empresa. 

De maneira geral, podemos perceber que as ferramentas de gestão da qualidade visam melhorias contínuas dentro de uma organização. Este é um tipo de gestão que está cada vez mais evidente no mercado e pode ser implementada de maneira fácil e gradativa.

0

de 5 estrelas
5 Estrelas
0
4 Estrelas
0
3 Estrelas
0
2 Estrelas
0
1 Estrela
0
Carga Horária / 40 Horas
Alunos / 149
Avaliações:

Certificado válido